20.1.17

Bates Motel: psicopatia, suspense e drama


A Netflix está me surpreendendo com cada série boa que vem aparecendo. Sempre fui o tipo de pessoa que gosta de séries engraçadas como Two And A Half Man e That '70s Show e passava longe de filmes de suspense e terror. Porém, meu gosto mudou muito depois que conheci a série Bates Motel, cujo enredo não é nada feliz.

Tudo começa com a misteriosa morte do pai de Norman Bates, um garoto culto, bem educado e super protegido pela mãe, Norma Bates. Com a morte do pai, eles se mudam para White Pine Bay, uma cidade pequena onde tudo ocorre por de baixo dos panos e a justiça não é seguida com rigor. Com o dinheiro deixado pelo pai, eles compram um motel (o que seria um hotel para nós) e tentam tocar suas vidas com paz e tranquilidade, mas o que há por vir é exatamente o oposto.


Norman tem problemas psíquicos que ficam cada vez mais visíveis com o passar do tempo. Ele tem frequentes apagões, e quando volta ao seu estado normal não se lembra de nada do que fez anteriormente.

Confesso que para assistir a Bates Motel tem que ter estômago muito forte, pois as cenas são bem chocantes, e estupro, assassinato e sangue - muito sangue! - são bem comuns. Apesar disso, o enredo é muito envolvente e te prende ao máximo. Fiquei tão apaixonada pela série que vi sete episódios de uma vez só (sei que isso pode ser normal para alguns, mas eu jamais fiz isso).


Aprendendo a não julgar com Norma Bates

Norma é uma mulher linda, culta, bem arrumada e dá o máximo de si a seu filho Norman, que é seu porto-seguro. No decorrer da série você vê o quão sofrida Norma é no fundo de sua alma, pois sua infância não foi nada fácil, além de seu falecido marido ter sido abusivo durante seu casamento. Apesar disso, ela superou todos os problemas do passado e seguiu sua vida com muito otimismo.

As escolhas que ela fez ao longo de sua vida com certeza não foram as melhores, mas ao ter noção de tudo o que ela passou e vem passando, faz você pensar que ela é apenas uma mulher e erra como como qualquer ser humano. Apesar disso, ela tem um bom coração e quer o melhor a todos a sua volta.

Até agora Bates Motel possui quatro temporadas, e estou no início dela. O único problema é que a quarta temporada ainda não está disponível na Netflix ainda, portanto, estou assistindo à série pelo Popcorn Time.


E aí, o que acharam? Gostam de séries assim? Se vocês estiverem em dúvida sobre qual série começar, eu super recomendo Bates Motel. Tenho certeza de que vocês não se arrependerão.

Um comentário:

  1. Na Universal Channel passava. Eu peguei uns capítulos avulsos, e assim não dava para entender nada, eu bem que gostaria de assistir (talvez eu o faça). Mas a história por trás é muito mais interessante, pois a história que estamos assistindo é a infância de uns dos mais famosos assassinos de Hitchock. E quando você assiste, acaba entendendo como Norman Bates tornou-se o assassino de Psicose. Eu não assisti completamente, porém de acordo com o que você falou para ser muito bem elaborada.

    Até mais!
    Karolini Barbara
    womenrocker.blogspot.com

    ResponderExcluir

Copyright © 2015 | Design e Código: Sanyt Design | Tema: Viagem - Blogger | Uso pessoal • voltar ao topo